Tutorial: Como preencher um formulário rafflecopter

Curiosidades sobre trailer de cinema

7 de dez de 2011

O trailer é uma propaganda feita para espectadores de cinema e trata-se de uma prévia de um determinado filme que é geralmente exibido antes da produção entrar em cartaz para atrair o público.


Os trailers exibem uma promessa de desejo para algo que ainda ira ser lançado, mostrando novos trabalhos de atores, diretores e gêneros favoritos. Com isso desperta o interesse do público, fazendo com que ele venha conferir o filme.


Existem mais de 25 empresas especializadas nesta área atuando em Hollywood. No Brasil não há empresas especializadas em produção de trailers, eles são geralmente montados nas produtoras que costumam trabalhar com publicidade ou por profissionais que trabalham na distribuidora do filme.



Nos Estados Unidos é o estúdio que aprova o trailer, deixando o diretor do filme geralmente de fora do processo. Aqui no Brasil o diretor tem voz ativa e aponta tanto o roteiro do trailer e o material final dele.


Os trailers podem custar muito caro. Em Hollywood o preço de um trailer varia de US$ 100 mil a US$ 500 mil e no Brasil custa em média R$30 mil e se for legendado R$112 mil.


História 


Tudo começou em 1913 nos Estados Unidos, quando um trecho do filme The Adventures of Kathlyn, foi exibido antes da estréia para atrair espectadores. O trailer mostrava Kathlyn sendo arremessada na jaula de um leão. Após este pedaço do filme ser exibido deixava uma pergunta no ar: “Será que ela irá sair viva de lá?” Com isso fazia as pessoas irem ver o filme, pois ficavam curiosas para ver o que iria acontecer. 


Nessa época o trailer passava no final do filme por isso o nome trailer que significa seguir imediatamente, mas quase ninguém esperava para vê-lo.


Em 1916 a Paramount tornou-se o primeiro estúdio oficialmente a lançar trailer, entretanto ela só se preocupava em fazer um esforço extra na produção dos seus maiores filmes.


Por volta de 1919 o estúdio começou a montar previas para todos os seus filmes que estavam por vim. Aos poucos outros estúdios começaram a seguir esta tendência, reconhecendo que esse negócio poderia gerar lucros.


 No final de 1919, três jovens publicitários uniram-se para formar a National Screen Service (NSS), com o objetivo de supervisionar a distribuição do material promocional das principais companhias de filmes.


Como a maioria dos estúdios não possuía nem tempo e nem pessoa para administrar esta tarefa, o aparecimento de uma empresa disposta a oferecer esta oportunidade e cobrar apenas o preço de produzir os materiais, parecia uma ótima oferta que elas logo aceitaram. A NSS iria entregar os trailers para todos os cinemas dos Estados Unidos e os estúdios por sua vez iriam lhe conceder acesso exclusivo e adiantado dos filmes que logo seriam lançados.


Os trailers começaram a passar antes do filme na década de 20, mas nessa época não eram usadas partes do filme e sim os primeiros minutos dele.


Durante anos a NSS atuou principalmente como distribuidora dos materiais do filme como cartazes, fotos de cenas e trailer. No entanto a empresa não ganhava muito dinheiro produzindo pelas promocionais, seu lucro estava nos alugueis dos trailers exibidos. Os trailers produzidos nesta época tinham semelhanças marcantes, pois utilizavam títulos no superlativo e narração.


No começo dos anos 60, os estúdios passaram a investir na modernização dos trailers e se distanciaram da NSS. O público começou a ficar mais exigente e critico, pois as promessas dos trailers eram na maioria vagas e pouco verdadeiras. Para fazer esta modernização os estúdios tiveram de contratar pessoas especializadas e com vasto conhecimento em propaganda.


Em 1968 surgiu uma das maiores produtoras de trailer do mundo, a Kaleidoscope Feens, que durou 30 anos. A companhia popularizou a voz de Don La Fontaine (1940-2008) que narrou mais de 5 mil trailers.


Ate o final dos anos 60, os estúdios vinham usando a televisão para fazer propagandas dos filmes e raramente desprendiam esforços para fazer um comercial em cores.


No começo dos anos 70 perceberam o potencial impactante da televisão para fazer campanha de marketing para o cinema. Isso resultou em modificações no estilo de edição mais agressivo, pois precisava estar em sintonia com a linguagem utilizada na televisão em suas propagandas.


Nos anos 80 a indústria de trailer é colocada em um novo patamar modificado para sempre a forma de edição. Em 1981 a MTV lança seu primeiro videoclipe “Video killed radio star” Desta data em diante é iniciada uma reconstrução na conexão de filmes e músicas já usada em trailer e também trazendo uma grande variedade de cores e cenas mais rápidas. Esta pratica para o trailer era uma maravilha, pois aplicava-se  em duas coisas: primeiro que agora era possível colocar mais informações juntas e segundo esconder os defeitos dos filmes, pois o trailer não pode revelar as fraquezas do filme.


A maior difusão do trailer aconteceu com a exibição de filmes em salas multiplex (são aquelas varias salas de cinema dos shoppings), entre os anos 80 e 90, que substituiu o cinema de rua. Com isso os trailers ganharam mais importância.


Tipos de Trailers


Os trailers são divididos em dois tipos: os teaser trailer e os regular trailer, ou simplesmente trailer.


O teaser trailer, é um pequeno trailer (30-60 segundos), utilizado para divulgar que nos próximos meses ou até um ano um determinado filme estará em cartaz. Contêm poucas cenas do filme e raramente algum efeito especial.


O teaser trailer tem por objetivo procurar a audiência do filme, fazendo o público ficar mais dentro as informações do enredo.


Um dos primeiros teaser trailer foi para Superman(1978) filme de Richard Dontos.


Os trailers costumam chegar dois meses e até a uma semana do filme estréiar nas telonas, e dura em torno de dois minutos e meio-tempo determinado pela Motion Picture American Associotion (MPAA). No Brasil não há limites, mas dura entre 2 a 3 minutos.


A estrutura do trailer


Observando os trailers que vinculam no cinema, percebe-se que eles têm alguns elementos em comum, o que resulta considerar que há uma possível estrutura geral dos trailers atuais de Hollywood. Alguns destes elementos são:


1. Introdução
Momento de primeiro contato do espectador com o filme. É a fase inicial do trailer, em que são apresentadas as primeiras imagens que ambientarão a historia e ser mostrada mais a frente, onde chama a atenção do público usando fidelidade ao filme.


2. Narração
É o assunto propriamente dito, com a apresentação dos fatos.


Nesta parte fica mais claro ao espectador qual é a história do filme, quem são seus personagens, quais os conflitos e onde se passa à narrativa. Essa apresentação é rápida, apenas para deixar o espectador intrigado e se interessar pelo filme.


3. Provas
Neste momento são apresentados elementos que darão sustentação e argumentação de que o filme é uma boa opção de ser assistir.


Existem duas formas de provas a serem apresentadas:


1° O símbolo da produtora, a apresentação dos atores principais, mesmo não sendo o protagonista, mas em si atores conhecidos e queridos pelo público. Logo apresenta uma cena em que esteja em destaque para o público reconhecê-lo.


2° Apresentação dos nomes do diretor, produtor ou distribuidor. E também se o filme foi baseado em alguma obra pode ser considerado relevante para convencer o público.


Uma pratica interessante neste tipo de apresentação é a busca de associação com outras obras de sucesso. Por exemplo quando se fala do diretor do filme, na maioria das vezes aparece caracteres ou locução que diz “Do mesmo diretor que (nome do filme de sucesso)”.


4. Peroração


A fase de conclusão do trailer, o último momento de convencer e assegurar a fidelidade do espectador. A estrutura do trailer é estabelecida em quatro partes finais e nem todos os trailers contêm essas etapas bem delimitadas.


1°Fase final do trailer é quando ainda aparecem algumas cenas da história, ou algum momento clímax do narrativo.


2° É quando aparece o nome do filme em grandes caracteres, ocupando quase toda a tela.
3° A data de estréia do filme.


4° É quando aparece a cartela de créditos, contendo as principais informações do filme.


Premiações

Existem dois tipos eventos que dão prêmios aos trailers: Art Awards-Chave e o Golden Trailer Awards.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um comentário:

  1. Muito interessante esse post sobre os trailers de cinema. Não sabia de nada disso. Parabéns!!!

    ResponderExcluir

 
© Copyright 2014. Todos os Direitos Reservados.