Tutorial: Como preencher um formulário rafflecopter

Resenha: A Arte da Invisibilidade

16 de fev de 2012
Título: A Arte da Invisibilidade
Autor: Allan Pitz
Ano: 2011
Páginas: 132
Editora: Dracaena
Classificação: Muito Bom
Sinopse: “A arte da invisibilidade visa condicionar o homem moderno ao intelectualismo de avanço real e lógico, natural, em acordo com sua época. E, ousadia das ousadias, visa trazer de volta o homem pensador, que vagaria pelas prisões hipnóticas sem se deter a nenhuma delas. Apenas isso.” 

A Arte da Invisibilidade não é bem uma história, e sim um desabafo sobre a sociedade atual e como as pessoas se comportam. Está repleto de pensamentos polêmicos e filosóficos. 

A narrativa é cheia de sarcasmo, nós leitores somos considerados velhos amigos do escritor, me senti uma psicóloga escutando atentamente as opiniões sobre como nós vivemos nessa sociedade e como agimos. Somos tão influenciados pela sociedade, que todos nós temos rótulos iguais aos produtos que compramos no supermercado, somos meros produtos do governo e das pessoas ao nosso redor. Eu, você e todos nós, temos um rótulo. O meu é de nerd, cdf, estudiosa e os seus? Estão vendo? Os rótulos humanos são como um produto, porque quando dizemos certas palavras à imagem vem em nossa mente, é como dizer: “Coca-Cola”.

O autor justifica na obra que não criamos nada original, pois sempre nos baseamos em teorias já feitas e simplesmente só as transformamos de acordo com o que achamos. A partir deste pensamento, entramos na arte da invisibilidade, onde nos tornamos invisíveis na sociedade. Um assunto meio maluco diga de passagem.

Quando você ler o livro você diz: “Allan você é um doido, deveria estar internado, em vez de estar escrevendo”.

A leitura não foi rápida, como dá para imaginar pelo livro ser fininho. Por se tratar de uma narrativa que envolve assuntos polêmicos exige um pouco mais de atenção e a leitura se torna demorada.

A escrita é nua e cruel. Você realmente se surpreende com que ele fala. O livro é muito bom, é uma boa reflexão sobre o que fazemos e o que a sociedade nos “impõe” á fazer.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

12 comentários:

  1. Legal a tua resenha, me deu vontade de ler o livro, ver como ele é, haha

    Beijos,
    http://naminhaestanteliivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Fiquei bem curioso, um livro diferente.

    Jean Almeida
    http://1livromecontou.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Muito boa a resenha. O livro parece ser muito legal. Me fez refletir o quando as teorias que ele põe em questão são realmente reais. Pois realmente tudo que criamos sempre é baseado em algo que já existe, nossa intensão é apenas transforma-lo em algo que nos agrade mais. Muito legal msmo o livro, estou louco pra ler. Parabéns e sucesso pro blog.

    ResponderExcluir
  4. Apesar da ótima resenha não é um livro que faça meu estilo. Vou recomendar para um amigo que gosta.
    Bjkas!
    Monique Martins
    MoniqueMar
    @moniquemar

    ResponderExcluir
  5. Sou fã do autor e estou doida para ler esse novo livro dele! Ele é meio doido mesmo, sempre dá para ver um pouquinho disso nos livros que escreve - e eu adoro isso!

    Beijos, Nanie - Nanie's World

    ResponderExcluir
  6. A resenha está muito boa, mas o livro não é meu estilo favorito ;/ Parabéns!
    TB.
    @teens_books
    http://teens-books.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Nossa... o livro parece ser bastante legal!


    Gostei da resenha.
    O blog mudou né... :D
    gostei disso tb.


    Abraço

    ResponderExcluir
  8. Apesar de o livro ser fininho, a mensagem dele deve ser instigante. Sabe quando a gente entende um assunto inconscientemente mas quando trazem isso à tona nós nos surpreendemos e/ou o rejeitamos? Num primeiro momento, parece ser um livro inocente por causa do título e da capa, mas a leitura é como um tapa em uma pessoa alheia à realidade.
    @WallkerVirtual ou @WallkNow

    ResponderExcluir
  9. Eu não tinha sentido vontade de ler esse livro quando ele foi lançado, mas depois de ler a sua resenha, me deu vontade sabia ^^ Otima resenha, gostei da parte que vc fala que somos quase velhos amigos do escritor.

    Agora eu quero ler =D

    Bjkss
    Ká Guimaraes

    ResponderExcluir
  10. Adorei a resenha. Eu nunca imaginei que esse livro poderia tratar de um assunto tão forte, atual e necessário. É preciso que as pessoas tomem consciência dessa sociedade que à tudo estereotiza.

    ResponderExcluir
  11. Resenha interessante, livro que parece num primeiro momento mas para refletir sobre as palavras do autor,para deixar um outro olhar mais profundo possível.

    ResponderExcluir
  12. a resenha ta muito boa, gostei bastante

    ResponderExcluir

 
© Copyright 2014. Todos os Direitos Reservados.