Tutorial: Como preencher um formulário rafflecopter

[Resenha] O Estranho caso do Yoda de Origami, de Tom Angleberger

21 de abr de 2013

Título: O Estranho caso do Yoda de Origami
Autor:  Tom Angleberger
Ano: 2011
Páginas: 160
Editora: Sextante
Classificação:  Bom

Sinopse: DOUG É UM GAROTO MUITO, MUITO ESTRANHO.
Ele sempre faz coisas esquisitas, como usar a mesma camiseta durante um mês, dançar feito maluco e se deitar no chão da biblioteca. Isso é constrangedor, principalmente para Tommy, que passa o recreio com ele todos os dias.
Por outro lado, Doug faz uma coisa muito legal: origamis. Um belo dia, ele cria um dedoche de origami do Yoda, o sábio personagem da saga Guerra nas estrelas. E aí tem início um grande mistério.
O Yoda de Origami prevê o futuro e sempre sabe como lidar com uma situação difícil. Seus conselhos funcionam mesmo e logo a maioria dos alunos da escola está fazendo fila em busca de soluções para seus problemas.
Tommy não entende como o Yoda de Origami pode ser tão sagaz se o Doug é tão sem noção. Será que o Yoda está usando a Força? Tommy precisa resolver esse mistério antes de aceitar seu conselho sobre uma garota.
Este é o relatório que Tommy preparou ao investigar O estranho caso do Yoda de Origami. Para torná-lo imparcial, ele incluiu os comentários de Herbert, um colega que nunca acreditou no Yoda de Origami. Também pediu a opinião de Kevin, que só fez uns rabiscos em volta do texto. Veja como ficou!



Desde que vi esse livro no site da editora Sextante, fiquei encantada pela capa e pela história. Queria saber do que se tratava um livro sobre um Yoda de origami. E ele é super fofinho. A história seria ótima, maravilhosa, se não fosse pelo personagem HerbertEle é muito irritante, fútil, idiota, invejoso e que estragou um pouco a história.
 

O Yoda é um origami feito por Doug, um garoto esquisitão, que tira meleca do nariz, fala coisas sem noção como púrpura toda hora, fica dentro de buracos, sempre se mete em encrencas e é visto pelos colegas de classe como um bobão. Só que um dia ele aparece com um origami do Yoda, do Star Wars e começa a dar conselhos, dicas e avisos para seus colegas, com uma imitação horrível do personagem. O problema é que os conselhos, as dicas e os avisos dão certo, ele tira as pessoas de grandes enrascadas e ajuda outras a se divertirem, o que causa grande confusão na mente de Tommy, um garoto da sala de Doug que não sabe se o Yoda é real, se ele possui a Força, ou é apenas invenção do garotinho esquisitão. Mas esse último caso é a grande questão, como um garoto que todos veem como bobão, que não segue os conselhos do Yoda é o próprio Yoda?

O livro é um conjunto de relatos de pessoas que tiveram ajuda do Yoda de Origami. São alunos do sexto ano, da mesma turma de Tommy, o garoto que decidiu fazer esse relatório.

Tommy é apaixonado por Sara e estava em dúvida se seguia ou não o conselho do Yoda de Origami. Então ele resolveu junto com seus amigos Herbert e Kevin, fazer o relatório, para estudarem o monstrinho verde  de origami.


O livro me conquistou desde a primeira página. Muito fofo! Uma história infantil que todos deveriam ler.

Vou falar de algo que não costumo dizer nas minhas resenhas: Diagramação. Nunca vi um livro tão caprichado como esse. Cheio de desenhos, as fontes são diferentes para cada personagem, como se fosse uma imitação da letra de cada um. Algumas páginas são escuras que lembram Xerox e outras parecem papéis amassados. O livro é de capa dura o que eu amo! Acho que todos os livros deveriam ser de capa dura.



A narração é em primeira pessoa, já que são relatos dos personagens e no final de cada um dos relatos, tem comentários de Herbert criticando as ações do Yoda, tentando provar que ele não é real e de Tommy, que fala o que realmente pensa, ele é um pequeno cientista analisando os fatos de acordo com os relatos e não tira conclusões antecipadas.

O que realmente me irritou no livro foi o preconceito contra o Doug, só porque o menino é diferente todos zoam dele, não querem ele por perto, e isso realmente me fez sentir um pouco de raiva dos personagens. Outro ponto de me incomodou, foi o chato, do Herbert, como disse no começo da resenha, ele é insuportável, invejoso e por causa dele, Doug é mau tratado. Que ódio desse garoto.

Bem, esquecendo o Herbert e voltando a falar do livro, os capítulos são bem curtinhos e dinâmicos e os personagens são bem construídos.

O público alvo de Yoda de Origami, são garotos de 10 a 13 anos, pois trata de assuntos como primeira namorada, como chamar atenção delas, como saber se elas estão afim deles, como convidá-las para uma festa, mas não só para os meninos, as meninas também podem ler e saber como eles se sentem em relação a essas questões. 

Então se você está procurando um livro curtinho, cheio de ilustrações, com temas pré- adolescentes e queira relembrar algumas coisas de Star Wars, mas de uma forma bem juvenil, leiam esse livro.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

37 comentários:

  1. Que belezinha de livro. Não faz meu estilo agora, apesar de eu amar de paixão o Yoda e Star Wars. Mas acho que vou comprar e deixar guardado pros meus filhos! rs
    Mais legal ainda é a diagramação. Muito caprichoso colocar cada capítulo com a letra do personagem!
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Olá! :)

    Eu adoro livros infantis, pois eles noa fazem lembrar um pouco de nós mesmos, independente do enredo. Quando são bem escritos tornam-se quase uma leitura sem contraindicações.
    Só de ler alguns trechos da sua resenha fiquei com vontade de rir, em outros já pude me imaginar sentindo vontade de dar uns cascudos nesse tal d Herbert ^.^ Deve-se ser realmente um livro fofo. Mesmo sem tê-lo lido eu indicaria para jovens da idade que você disse.

    Também fico fascinada quando os livros apresentam uma diagramação bem feita e com detalhes como os que esse, e concordo com você, todos deveriam ter capa dura *__* Achei muito interessante à página "amassada" , quando vi deu até um nó na garganta, pensei "como assim amassaram a folha?" rs

    Adorei a resenha!! Eu poderia ler esse livro, acho que iria gostar :)

    Até mais!
    :*

    @Leitora1

    ResponderExcluir
  3. Que legal! Adorei a ideia do livro!!
    Deve ser bem divertido e fiquei bem curiosa. Quero um Yoda desses pra mim. hehe
    Quando vi a foto jurei que teu livro tinha se amassado! haha Parece muito legal a diagramação, mesmo. =)

    ResponderExcluir
  4. Que livro legal! A faixa etária dele contempla meu filho, acho que ele vai se divertir muito!
    É importante que os livros juvenis falem mesmo de temas relevantes como o bullying, o preconceito com pessoas diferentes e que aborde as dúvidas tão comuns de adolescentes nessa fase. E, claro, que contenha lições de amizade e respeito.
    Adorei!

    ResponderExcluir
  5. ah eu adoro uma boa diagramação nos livros, as vezes tbm não falo disso nas resenhas, mas eu gosto sabe *u*

    ResponderExcluir
  6. Parece um livro interessante, para o publico infantil. Acredito que alguns personagens são criados realmente para serem chatos, outros param serem bons e muitos simplesmente para encher buracos, ou seja se cumprem a função, então é um bom livro. Talvez a ideia tenha sido realmente criar o personagem Herbert para ser aquele que implica com todos, quantas pessoas na vida real você não conhece que são assim,pessimistas e estraga prazer.A unica coisa que eu não gosto muito é usar como chamariz algo que já faz sucesso, como o caso do Yoda, poderia tentar criar algo novo e ganhar os leitores pela própria historia. De resto parece um bom livro para se ler para os filhos.

    ResponderExcluir
  7. Adorei a resenha. Sou doida pelo Yoda, comecei a gostar de Star Wars por causa de um amigo meu, que adora, e não tinha como não ler sua resenha e me lembrar dele.

    ResponderExcluir
  8. Acho que esse é o livro com enredo mais diferente que já vi, nunca imaginaria um Yoda de origami dando conselhos!
    Eu também adoro capa dura, e fico feliz quando vejo uma editora fazendo um trabalho tão bom com a diagramação.

    ResponderExcluir
  9. O livro parece ótimo, já vi StarWars, mas nunca fui daquelas fãns, e mesmo assim quero muito o livro.
    Gosto de livros com uma pegada assim, meio infantil também. De verdade para mim quem se acha muito grande para esses tipos de livro, acho que devia experimentar
    Muito boa a resenha.

    ResponderExcluir
  10. Infelizmente ser diferente nem sempre agrada! Gostei bastante da história, que apesar de parecer bem infantil, tem a sua mensagem a ser transmitida.
    Só a diagramação já me conquistou! *-* Eu amo livros assim, capa dura, com desenhos (ok, até pareço uma crinça haha)... mas é que são mesmo muito fofos e só em tê-los na estante e ficar olhando... (ok, parei)

    ResponderExcluir
  11. Que fofooo, adoro livros desse tipo com desenhos para descontrair um pouco, tipo Diário de um banana. Quero ler esse livro, parece ser tão gostosinho de ler, sem falar que é uma história bem diferente das que vemos normalmente, amei a resenha. Beijos

    ResponderExcluir
  12. Nem fazia ideia da existência desse livro, primeira resenha que leio dele, e tenho que dizer que a resenha foi muito bem feita. A capa desse livro é bem fofinha, e tem um foco bem diferente do que estou acostumada a ver, coisa bem juvenil mesmo. Preciso desse livro, com certa urgência. Estou maravilhada haha :)

    ResponderExcluir
  13. Não vejo o porquê do preconceito com os livros infantis. Quando excelentes eles têm uma vantagem gigantesca sobre qualquer livro adulto: O de abarcar todas as idades, da mais inocente criança, a um adulto que não perdeu a capacidade de se encantar com esse tipo de história.
    Há ainda outro ponto. Não podemos menosprezar a literatura infantil. Afinal ele é a porta de entrada para toda uma nova geração de leitores.

    ResponderExcluir
  14. Nossa, nunca ouvi falar desse livro, mas parece ser bem legal. Nunca vi Star Wars, mas eu sei quem é o yoda, e com certeza se tivesse visto esse livro na livraria, riria muito. Parece ser um livro bem interessante.

    ResponderExcluir
  15. Nossa, me encantei com a diagramação do livro. Folhas parecendo amassadas?! Imagina o trabalho que a editora teve? Nunca tinha ouvido falar do livro. E apesar de ser um livro infantil, fiquei bem curiosa para ler (e por que não ler, né?). Adorei!

    Bjoos

    ResponderExcluir
  16. Ah, eu gosto de livros sem ser de capa dura também kkkkk.
    Achei super estranho o título do livro antes de ler a resenha, mas depois da pra entender tudo, parece ser um ótimo livro :D

    ResponderExcluir
  17. O livro realmente parece que está amassado ?! Isso é perfeição!
    O livro parece ser muito fofo, uma mistura de sensações!

    ResponderExcluir
  18. Olá!
    Nunca tinha ouvido falar nesse livro e não gostei muito da história dele não, é que não faz meu estilo mesmo...
    A capa é legal até =)

    Beeijos,
    iSteh

    ResponderExcluir
  19. Nunca tinha ouvido falar, mas gostei, achei fofinho :)
    E eu adoro origamis! hahaha

    ResponderExcluir
  20. Não conhecia esse livro e gostei muito. Pretendo comprar e dar de presente a minha sobrinha que adora ler.

    ResponderExcluir
  21. Que Diagramação fofa!
    Nunca tinha ouvido falar desse livro e parece ser para uma tarde de chuva. Odeio personagens irritantes, idiotas e esse Herbert iria me tirar do serio. Doug parece ser fofo e o garoto que não liga para opinião dos outros. Muito interessante isso de relatos e deve ser demais ler cada um dando sua opinião.

    ResponderExcluir
  22. Esse livro acabou de entrar na minha lista de desejados e vai ir pra frente de muitos aouaoa cara, muito foda!!
    Gostei da história e acho muuuito massa esses livros trabalhos e tals, cheios de desenhos e com vários detalhes.

    Quero lerr!!

    ResponderExcluir
  23. Apesar de já ter passado(e muito) dessa fase, ainda gosto de ler histórias voltadas para o público infanto-juvenil. Achei essa trama bem legal. De cara já simpatizei com o Doug, apesar de ser um pouco estranho, ele deve ser um garoto super bacana. E compartilho da mesma raiva que você com esse Herbert. Que maloqueiro mais insuportável. Resumindo, gostei!

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  24. Achei o livro bem bonitinho e engraçado =)Adoro origamis e achei a ideia de Yoda de origami bem diferente rs
    A diagramação realmente é linda. Pela foto e pelo o que vc descreveu parece que o livro é muito bem trabalhado. Também acho que todos os livros deveriam ser de hardcover. Seriam bem mais bonitos ^^

    ResponderExcluir
  25. Nossa, que susto quando vi a foto! Que lindo este livro, adoro livros com ilustrações e só pela imagem devo parabenizar a editora pelo trabalho!
    Não posso deixar de comparar o livro com O Diário de Um Banana, eles são bem parecidos, amei Diário de um Banana e acho que vou gostar deste livro também!

    ResponderExcluir
  26. Oi,

    Achei super fofa essa capa *---*

    gostei do modo como você falou desse livro, mesmo sendo infantil, fiquei curiosa sobre esse 'mistério' que ronda os conselhos do Yoda. rs'

    Só pela foto que postou, fiquei curiosa para conferir o trabalho detalhista feito em todo o livro; parece aquele livro que a gente se perde um pouco olhando as páginas de tão lindas que por si só elas são ^^

    p.s: um sonho se todos os livros fossem de capa dura *---*

    ~> Beijusss...;*

    ResponderExcluir
  27. Hahahahahaha amei, rs.
    Que capa demais, amei o Yoda ali.
    Gosto de leituras leves e descontraídas, principalmente depois daquelas leituras cansativas que fazemos.

    ResponderExcluir
  28. Não assisti Star Wars.
    Mas curti a capa e a sinopse do livro.
    Adorei sua resenha, já to pensando em presentear meu irmão, que está nessa faixa etária e fazer essa leitura fofa.

    ResponderExcluir
  29. Ha que eu já quero esse livro pra mim, ate que eu gostei dele. Esse livros infato-juvenis são gostosinhos de se ler.

    ResponderExcluir
  30. Esse livro parece ser tão legal, tenho um primo que vai adorar. Livros juvenis são ótimos depois daquelas leituras cansativas!! adorei a capa!! =D

    ResponderExcluir
  31. A capa é engraçadinha e o título me deixou curiosa, rsrs.
    Bem juvenilzinho né, ;)
    Deve ser uma boa leitura para o público alvo.

    ResponderExcluir
  32. Ah tão bom ter em mãos um livro bem feito, com diagramação perfeita, um bom acabamento, eu gosto muito! Já tinha ouvido falar desse livro e já vi gente lendo esse livro e gostando muito!

    ResponderExcluir
  33. Como o livro poderia não chamar minha atenção?
    Sou VICIADO em Star Wars!!!
    De certa forma eu me identifiquei com Doug, as vezes chego a usar a mesma camisa por varios dias, haha, e gosto muito de fazer origamis, inclusive tenho um yoda de papel, mas o meu não prevê o futuro nem me da conselhos...
    Livro de capa dura? Eu amo. Com certeza irei comprar esse livro!

    ResponderExcluir
  34. Bem infantil mas bom pra passar o tempo. Sabe, nunca vi Star Wars, mas sei o que é um yoda, apesar de achar estranho isso rsrsr
    É realmente um livro pra crianças, também acho que a capa pra esse tipo de livro deve ser capa dura, crianças não tem muito cuidado com as outras. Foi bom conhecer o lviro, não é algo pra mim, mas indicaria para meus primos. Sei quis saber como fazer origami, mas sou pessima nessas coisas.
    bj

    ResponderExcluir
  35. Eu realmente não achava que o livro pudesse ser tão interessante. Gostei da capa, e gostei da resenha. Em um oportunidade vou ler sim.
    beijos

    ResponderExcluir
  36. A capa é bem divertida e as folhas também. Mas a história é bem infantil, e não gostei muito dela. Mas é um bom presente para o meu irmão, ele tem 9 anos e estou tentando fazer com que ele tome gosto pela leitura. Ele tá no inicio, mas gosta de uma série 'Zack Power' e gosta bastante de HQ, principalmente da marvel. E fica olhando a minha estante, vendo as capas dos livros e blá. Enfim, vou procurar para ele.

    ResponderExcluir
  37. Que bacana que é esse livro! Adoro livros infantis e as lições que eles passam.
    Com 160 páginas e capítulos curtos, o livro passa e a gente nem percebe.
    Interessante tratarem do assunto bullying também. É realmente terrível a não aceitação de crianças consideradas diferentes por outras crianças. Pelo visto (ou pelo menos a mim pareceu), Doug não liga muito para isso, não que não seja afetado de alguma forma.
    A diagramação é mesmo incrível. Jurava que era uma folha amassada assim que vi a foto. rs
    E concordo com vc em relação aos livros de capa dura!
    Bjs

    ResponderExcluir

 
© Copyright 2014. Todos os Direitos Reservados.